Capelania

Fragilidade

Estamos a começar a Quaresma. A Igreja, mãe e mestra, desafia-nos a fazer deste tempo um momento privilegiado para aprofundar a nossa relação com Deus e com aqueles com quem partilhamos a vida. Para os cristãos é um momento privilegiado para fazer uma revisão de vida, um balanço do caminho percorrido. É tempo de oração e conversão, de arrependimento e de renúncia. Tempo de intensificar a caridade mesmo que isso implique sacrificar os nossos interesses e necessidades. Tempo de reconhecer que somos frágeis, peregrinos desta vida e não donos dela.  Não é um caminho fácil. Não estamos habituados a palavras como: silêncio, revisão de vida, conversão, arrependimento, renúncia, fragilidade, etc.

Se calhar estamos mal-habituados… desde pequenos que nos dizem que podemos controlar tudo, ter sempre sucesso, ser sempre os melhores e os mais fortes, como se fossemos senhores da vida e da morte. Mas não somos. Somos frágeis e precisamos de renascer e recomeçar muitas vezes na vida.

Padre Paulo Malícia

Copy link
Powered by Social Snap